Postagem em destaque

TORRENTe! +links

Oi gente! Passando pra informar sobre os links do site... LINKS PARA OS DISCOS NOS COMENTÁRIOS DESSE POST Depois de muitas tentativas de ...

2004 - A Foreign Sound Ao vivo


Não tem tradução
(Noel Rosa/Francisco Alves)

Baby
(Caetano Veloso)

Diana
(Paul Anka)

So in love
(Cole Porter)

I only have eyes for you
(Dublin, Al)

Stardust
(Hoagy Carmichel/Mitchell Parish)

Nature boy
(Ahbez, Eden)

Come as you are
(Kurt Cobain)

Summertime
(Gershwin, George)

Body and soul
(Green, Johnny)

Something good
(Richard Rodgers)

Love for sale
(Porter, Cole)

Cry me a river
(Hamilton, Arthur)

Sophisticated Lady
(Irving Mills/ Mitchel Parish/ Duke Ellington)

Cucurrucucú Paloma
(Tomas Mendez Soza)

Diferentemente
(Caetano Veloso)

Carioca (The Carioca)
(Edward Eliscu/ Gus Kahn/ Vincent Youmans) 

Comentários:
O show é para poucos e muito bem abastados: apenas quem tiver disponíveis R$ 500 poderá garantir ingresso para assistir a um dos shows beneficentes que Caetano Veloso realiza a partir desta sexta no bar Baretto, dentro do luxuoso restaurante Fasano, em São Paulo. Para esta sexta e sábado, já não há mais lugares, mas a temporada continua até 13 de dezembro, às sextas-feiras e sábados, às 21h e 23h.

A cada sessão, apenas 60 privilegiados poderão conferir um repertório que ainda é novidade. Caetano promete fazer um esboço de Foreign Sound, o novo CD de canções anglo-americanas programado para chegar às lojas em março de 2004. O repertório também deve conter músicas próprias.

No palco, Caetano estará acompanhado por seu filho Moreno Veloso (violoncelo e percussão), Domenico Lancelotti (bateria), Pedro Sá (guitarra) e Jorge Helder (baixo). 
 Diário do Grande ABC, 2004

Opinião da casa:
Ótimo pocket show de 2004 que dá uma idéia do que foi o show "A Foreign sound" que nunca chegou a ser gravado. Esse áudio foi retirado do DVD "Coração Vagabundo".
Apesar das versões serem parecidas com o disco, há a gravação "Não tem tradução" só no violão e "Baby" com um MPC potente fazendo a ponte com "Diana". Recomendado! 

Nenhum comentário: